Moradores de uma chácara em Japurá ficaram curiosos ao encontrem nesta semana um ovo de galinha “gigante” em um dos ninhos. O ovo tinha praticamente o dobro do tamanho de um normal.

A família, que reside no local há quatro anos, disse nunca ter nada parecido. “Nós criamos poucas galinhas e os ovos são para consumo próprio, mas nunca vimos um ovo tão grande”, contou a moradora Érica Laverde.

O mistério, no entanto, foi desvendado. O ovo quebrou e a família descobriu o porquê do tamanho avantajado: havia outro ovo dentro.

Apesar de não ser tão comum, há vários vídeos na internet de pessoas que encontraram o ovo duplo e filmaram a descoberta.

Até mesmo o detetive virtual do programa “Fantástico” já foi acionado em 2012 para investigar um caso parecido.

Veja qual foi a explicação dada ao fato:

O primeiro passo é saber como o aparelho reprodutor da galinha funciona. O ovo sai do ovário e chega à vagina já formado, mas, antes de ser expelido pela cloaca, ele pode voltar para o canal por onde ele desceu – e encontrar pelo caminho outro ovo em formação.

“Um ovo duplo é formado quando um ovo já pronto retorna ao oviduto e o ovo seguinte envolve esse ovo que já estava pronto. A formação do ovo duplo é alguma coisa bem rara”, explica Patrícia Formozo, ornitóloga [que estuda as aves] do Museu Nacional da UFRJ.

Apesar de raro, há vários vídeos na internet de pessoas que já encontraram um ovo duplo e filmaram a descoberta. Mas coitadinha da galinha. Será que é mais difícil colocar um ovo desse tamanho?

“Acredito que a formação de um ovo maior não cause problema porque a casca do ovo ela só se enrijece em contato com o ar. Ela é gelatinosa enquanto dentro do organismo da ave e só se torna sólida, rígida, no exterior”, explica a ornitóloga.

Fonte: Portal da Cidade Paranavaí