Seminário em Curitiba debate expansão da gestão esportiva

A Superintendência do Esporte promoveu na quarta-feira (04), em Curitiba, o seminário estadual “Educação + Esporte, transforma Paraná”, com a proposta de fomentar o esporte, inédito nestes moldes no país. O evento aconteceu no Auditório do Conselho Regional de Contabilidade do Paraná onde foram debatidos temas relacionados a programas e projetos para o desenvolvimento do esporte na linha da educação, lazer e inclusão social, além das leis de incentivo federal e estadual.

Participaram representantes da Secretaria Especial do Esporte e do Ministério da Cidadania, secretário especial Décio dos Santos Brasil; secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Emanuel Rêgo; diretor do departamento de Incentivo e Fomento ao Esporte, Antonio Ricardo de Alcântara Lima; coordenadora geral de Desenvolvimento da Política de Financiamento ao Esporte, Solange Souza dos Santos; e o coordenador de Jogos e Eventos de Esporte, Lazer e Inclusão Social, Cláudio Luiz Pinheiro da Silva.

Com cerca de 300 representantes esportivos de todo o Paraná, o evento abriu com a assinatura de um termo de cooperação técnica entre a Universidade Federal do Paraná e o Governo do Estado, por intermédio do Instituto Paranaense de Ciência do Esporte. O documento foi assinado pela vice-reitora Graciela Bolzón de Muniz, na presença do pró-reitor de Planejamento, Orçamento e Finanças e coordenador do projeto Inteligência Esportiva da UFPR, Fernando Mezadri e do superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Nelson Bona.

O termo é uma junção de esforços para o desenvolvimento e integração na coleta e tratamento de dados e a capacitação de profissionais objetivando o aperfeiçoamento das políticas públicas do Estado do Paraná no campo do esporte.

Também foi lançado o “Tarumã mais Esporte”, projeto que tem o objetivo de dar oportunidade de acesso ao esporte para toda a comunidade. A parceria terá envolvimento das instituições de ensino superior, Conselho Regional de Educação Física, entidades esportivas e do Terceiro Setor. Com essa divisão de responsabilidades, o projeto busca tornar o Ginásio do Tarumã também referência em políticas públicas voltadas ao esporte.

O superintendente do Esporte, Helio Wirbiski, entregou um voucher ao secretário de Esportes do município de Planalto, Jair Dilceu Weich, em nome de todas as prefeituras, referente ao repasse de materiais esportivos para os municípios que sediaram os jogos oficiais do Paraná nos anos 2018 e 2019.

Encerrando as atividades da manhã, Sandra Pires, que disputou três Jogos Olímpicos na carreira, onde conquistou uma medalha de ouro e uma de bronze, palestrou para os presentes, abordando exemplos concretos com base em sua trajetória profissional a fim de motivar os participantes sobre temas como liderança, determinação, caráter, espírito de equipe e treinamento.

As discussões, mediadas pelo jornalista Gil Rocha, tiveram a participação efetiva do público presente, que pode esclarecer dúvidas com todos os representantes das instituições convidadas para o debate.

O secretário especial de Esportes do Ministério da Cidadania, Décio dos Santos Brasil, disse que vai possibilitar um novo rumo para gestão esportiva no Paraná. “O planejamento possibilita traçar metas e o rumo que se quer. Com o pouco recurso que o esporte tem, com planejamento bem feito conseguimos fazer muita coisa. É isso que o Paraná está fazendo e dando exemplo. Temos essa preocupação porque cabe a nós fiscalizarmos a execução orçamentária e financeira daquilo que o Governo Federal aplica nos Estados”, afirmou Décio, destacando ainda a importância da participação da Secretaria Especial do Esporte nessa discussão.

Para o professor de Educação Física, de Guarapuava, Edson Pereira de Andrade, proporcionar aos gestores do esporte do Paraná um evento dessa amplitude demonstra a credibilidade e, principalmente, a responsabilidade da atual gestão estadual. “As informações prestadas e repassadas dentro dessa proposta vem em muito colaborar com o andamento do trabalho no município, a troca de informações, as indicações e as maneiras simplificadas favorecem em muito”, disse.

Segundo ele, a lei de incentivo ao esporte estadual, tanto quanto a lei nacional, precisa ser divulgada. Para os municípios é importante saber que o aporte desse recurso deve ficar no município, independentemente do tamanho do projeto. “Todos os detalhes aqui apresentados foram de grande valia e principalmente potencializa a função dos gestores dentro de seu município”, destacou.

O diretor do Departamento de Incentivo e Fomento ao Esporte da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Antonio Ricardo de Alcântara Lima, falou sobre sobre a Lei de Incentivo ao Esporte, desde o cadastramento, aprovação até a execução dos projetos.

O coordenador de Jogos e Eventos de Esporte, Lazer e Inclusão Social, Cláudio Luiz Pinheiro da Silva, exemplificou os programas esportivos e de inclusão social que o Conselho Nacional do Esportes desenvolve.

O secretário nacional, Emanuel Rêgo, falou sobre as ações da Secretaria Especial do Esporte Nacional de Esporte de Alto Rendimento, entidade responsável por elaborar e implementar ações para o desenvolvimento e fortalecimento do esporte de alto rendimento no Brasil. O tricampeão olímpico destacou a importância do seminário e disse que é um momento importante para falar sobre planejamento. “Durante toda a minha carreira sempre pensei em planejamento, e essa ideia de ter um seminário para políticas públicas é essencial para sabermos que caminho vamos seguir”, afirmou.

O superintendente do Esporte, Helio Wirbiski, disse que o Estado fechou o ano com um grande evento, reunindo coordenadores e pessoas ligadas ao esporte de todo o Paraná, e lembou que o encontro lançou três projetos importantes para o Estado: O Tarumã mais Esporte, o termo de cooperação técnica, através do Sistema de Inteligência Esportiva, o planejamento estratégico de 2020, anunciando a operação Verão Maior, os Jogos de Aventura e Natureza e todos os demais jogos. “Tenho certeza absoluta que o evento foi um sucesso e 2020 será um ano de muitas realizações para o esporte do Paraná”, afirmou.

Fonte: Agência de Notícias Paraná