Detran volta a enviar documentos pelos Correios; Justiça manda cumprir contrato

No mesmo dia em que o Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) retomou o envio de documentos pelos Correios, como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), a Justiça determinou que as entregas voltem a ser feitas pela empresa contratada. Após encerrar unilateralmente o contrato sob a alegação de demora nas entregas, uma liminar foi expedida pela Justiça quinta-feira (26) exigindo que a empresa Combo Logística fosse mantida no serviço. Reportagem da Tribuna esteve no Detran-PR no dia 18 de dezembro e constatou que muitos motoristas aguardavam seus documentos por mais de um mês.

O juiz substituto Paulo Guilherme Mazini concedeu a liminar prorrogando a vigência do contrato para a entrega de documentos entre o Detran e a Combo por 11 meses.

A Combo venceu licitação do Detran em dezembro de 2018. O prazo do contrato era de 12 meses, com opção de renovação. Por entraves jurídicos, a prestação do serviço só começou em novembro.

“Diante de uma série de reclamações de atraso na entrega dos documentos, o Detran comunicou que não renovaria o contrato. Segundo a autarquia, no último mês, certa de 16 mil motoristas não receberam os documentos encaminhados, o que representaria 10% do total emitido no período. A Combo contesta o número e afirma estar cumprindo os termos do contrato.

Clique aqui para entender a história.

Fonte: Portal da Cidade Paranavaí