Mostra do Festival de Berlim exibe filme de ex-alunos da Unespar

O filme Alice Junior, que conta com a participação de ex-alunos do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) na produção, foi selecionado para uma mostra oficial do Festival de Berlim.

Dirigido por Gil Baroni, o filme terá quatro exibições entre 20 de fevereiro e 1º de março na 43º Generation, categoria 14 Plus, que faz parte do festival. As produções apresentadas durante a mostra valorizam o cinema internacional voltado para o público jovem.

A participação brasileira no festival também conta com o curta-metragem Rã, de Ana Flavia Cavalcanti e Julia Zakia, e Irmã, longa de Luciana Mazeto e Vinícius Lopes, ambos produzidos em São Paulo.

O reitor da Unespar, Antônio Carlos Aleixo, destacou que o curso de Cinema e Audiovisual é uma das graduações com maior procura da universidade. “A graduação tem uma importância enorme na formação de profissionais não só do Paraná, mas como do Brasil. O curso produz materiais de qualidade, contribuindo para a arte e a cultura no Estado”.

O ex-aluno Fábio Thibes se formou na Unespar em 2015 e trabalhou no filme como assistente de direção e produtor de elenco. Ele destaca a importância das atividades desenvolvidas na universidade durante a formação acadêmica. “Eu participava de um grupo de extensão voltado para o ensino de cinema brasileiro nas escolas que foi fundamental na minha formação profissional. As universidades públicas têm um papel importante no fomento e desenvolvimento do nosso cinema”.

Segundo Fernando Severo, cineasta e professor Unespar, é a primeira vez que um longa paranaense é selecionado para uma das mostras oficiais do festival que, ao lado de Cannes e Veneza, é considerado um dos três festivais de cinema mais importantes do mundo.

SINOPSE – Com roteiro elaborado por Luiz Bertazzo, o filme conta a história de uma garota transexual, a youtuber Alice (Anne Celestino Mota), e suas experiências como adolescente que sonha em dar o primeiro beijo.

O longa já foi premiado em diversos festivais, como o 52º Festival de Brasília, no qual foi o segundo maior premiado, vencendo em quatro categorias; o Mix Brasil, com três prêmios, entre eles o de melhor filme brasileiro, segundo o público; o Festival do Rio, no qual conquistou o Prêmio Félix na categoria de Melhor Filme Brasileiro de Ficção e, na mostra Geração, eleito melhor filme pelo júri popular.

A produção de Alice Junior iniciou em 2017 e o lançamento oficial ocorreu em setembro de 2019 no Festival de Vitória.

ESTUDANTES – “O filme se torna um marco na história da Unespar e da Faculdade de Artes do Paraná (FAP) pelo número de estudantes que fizeram parte da produção. Isso mostra que ofertamos um curso de qualidade para os alunos”, destaca a diretora do Campus Curitiba II da universidade, Salete Machado Sirino.

Entre os estudantes que participaram da produção estão o co-roteirista e assistente de direção Adriel Nizer Silva; o diretor de fotografia Renato Ogata; a primeira assistente de câmera Renata Corrêa; a diretora de arte Bea Gerolin; o montador Pedro Giongo; o produtor de locação Bruno Costa; o segundo assistente de direção e produtor de elenco Fábio Thibes; o assistente de figurino Igor Urban,; a assistente de arte Natália Teraoka; o assistente de fotografia Vino Carvalho; o colorista e masterizador Guilherme Delamuta; o técnico de som direto Lucas Maffini; o continuísta Felipe Aufiero Fonseca; o assessor jurídico Gustavo Pinheiro; Surya Amitrano, que faz parte do elenco, e a Sabrina Trentim na figuração.

Fonte: Agência de Notícias Paraná