Prefeitura em guerra contra a dengue; ′arrastão′ é neste sábado, 8

Caçambas que servirão de depósito para materiais inservíveis já estão instaladas na Zona Sul. Amanhã, 8, é dia de ′arrastão′ contra a dengue. A Prefeitura de Maringá vai recolher materiais que acumulam água e intensificar a vistoria em residências. Servidores de todas as secretarias estarão de prontidão para orientar a população. O clima é de guerra e o alvo é o  Aedes aegypti.
A concentração do ′arrastão′ será às 7h30, na rua Tulipa, em frente ao Parque do Japão. Do local, agentes de controle da dengue serão distribuídos para os bairros da região para vistoriar as residências e veículos destinados aos pontos fixos de descarte (veja no mapa).
Comunidade poderá levar materiais que acumulem água (garrafas, eletrônicos, sucatas, pneus) nas caçambas a partir das 15h30 desta sexta, 7h, até as 16h30 de sábado, 8. Ações pontuais, que necessitem de atenção nas casas, serão atendidas pelos servidores. Não será permitido descartar materiais de construção, gesso ou lâmpadas, ou depositar materiais em as casas ou canteiros – ação passível de multa que varia de R$2 mil a R$500 mil.
A participação mais ativa do cidadão nos bairros onde a ação será realizada é extensiva a pessoas de outras regiões, que podem se voluntariar para ajudar no ′arrastão′. “Todo apoio é muito bem vindo”, afirma Maria Ligia, diretora executiva da Secretaria de Serviços Públicos (Semusp).
O ′arrastão′ é mais uma atividade de controle e prevenção contra a dengue. Os índices justificam: Mais de 80% dos focos de dengue de Maringá estão nas residências, em materiais inservíveis ou lixos. Orientações nas escolas, campanha integrada com a sociedade organizada e poderes públicos também integram a estratégia.
 
Saiba mais
Arquivo em anexo detalha os mapas dos pontos fixos para descarte e o que pode ser descartado na ação.
Fonte: Prefeitura de Maringá