Belinati culpa festas clandestinas por aumento nos casos de coronavírus em Londrina

Prefeito disse durante transmissão que a situação das festas clandestinas agravam quadro da pandemia.

O prefeito Marcelo Belinati responsabilizou as festas e eventos clandestinos em Londrina como um dos fatores responsáveis pelo aumento nos casos de coronavírus na cidade. A afirmação foi feita durante transmissão ao vivo pelas redes sociais na noite desta segunda-feira (07).

“A balada, churrasco, almoço, jantar em família e entre amigos, joguinho de futebol. Você já viu alguém jogando futebol de máscara? Na balada de máscara? Isso está ajudando a aumentar os casos do vírus”, disse Belinati.

Ele ainda avaliou que a circulação de pessoas no comércio, shoppings e em ônibus não contribuem para a piora no quadro pandêmico, já que a maioria usa máscara nesses locais. “Quem está trabalhando lá no comércio usa máscara e álcool gel”, frisou.

O prefeito ainda taxou como absurdo que pessoas ainda estejam promovendo eventos clandestinos. “Essa responsabilidade é individual do cidadão e não pode ser transmitida ao poder público”, comentou Felippe Machado, secretário municipal de Saúde e que também participou da live.

Outro motivo apontado pelas autoridades é a chegada de dias mais frios, o que favorece a circulação do vírus.

MAIS FISCALIZAÇÃO

Belinati prometeu ações de fiscalização mais rígida com aglomerações e em locais que estejam descumprindo as medidas sanitárias. “Vai doer no bolso. Tem gente que não entende, mas vai entender de outro jeito. Já multamos e notificamos mais de 8 mil pessoas, mas não adianta”, disse.

O prefeito reforçou que Londrina pode adotar “lockdown” caso a taxa de ocupação de leitos UTI se aproximar de 100%. Ele disse ainda que a cidade tem leitos de UTI disponíveis, mas que acompanha o crescimento na taxa de ocupação para adotar tais medidas, se necessário.

Ele ainda garantiu que a cidade tem condições de abrir novos leitos de UTI caso haja essa necessidade.