Operação da Polícia Civil mira suspeitos de abuso e exploração sexual infantil, no Paraná

Agentes cumprem 20 mandados de prisão em Curitiba, São José dos Pinhais, Paranaguá, Ponta Grossa, Maringá e Foz do Iguaçu.

A Polícia Civil deflagrou uma operação para prender 20 pessoas suspeitas de envolvimento com o abuso e a exploração sexual infantil em seis cidades do Paraná, na manhã desta terça-feira (18).

Os agentes estão cumprindo mandados de prisão desde a madrugada contra suspeitos de estupro de vulnerável e venda ou produção de pornografia infantil.

A operação acontece simultaneamente em Curitiba, São José dos Pinhais, Paranaguá, Ponta Grossa, Maringá e Foz do Iguaçu, segundo a polícia.

Além disso, a Polícia Civil informou que outras cinco pessoas foram presas, na última semana, investigadas pelos crimes, sendo uma em Curitiba, outra em Maringá e três em Ponta Grossa.

Até a publicação desta reportagem a polícia não havia divulgado um balanço parcial da operação desta terça-feira.

Denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes podem ser feitas por meio dos telefones 100 ou 181. Em Curitiba, também é possível denunciar pelo número (41) 3270-3370.