Homem que atirou em cachorro em Maringá será multado em R$ 2 mil, diz prefeitura

Animal foi adotado por uma família e será castrado. Suspeito chegou a ser preso, confessou ter atirado e disse estar arrependido.

Um homem que foi gravado atirando em um cachorro, em Maringá, no norte do Paraná, será multado em R$ 2 mil, segundo a prefeitura da cidade. O suspeito chegou a ser preso na segunda-feira (24).

O caso aconteceu no dia 15 de maio, no bairro Jardim Tóquio. Uma câmera de segurança flagrou o momento em que o homem usa uma espingarda para atirar no animal.

O homem foi solto após pagar fiança de R$ 5 mil, segundo a polícia.

A prefeitura informou que o cachorro está recebendo o suporte da equipe de Bem-estar Animal, do município, e que uma família o adotou. O animal também será castrado.

O caso

O cachorro foi socorrido por uma pessoa, que o levou até uma clínica veterinária, onde perceberam que ele tinha um projétil entre as patas. O animal precisou ser operado e ficou três dias internado.

A Polícia Civil disse que identificou o autor dos disparos após analisar imagens de câmera de segurança.

Na casa dele, os policiais apreenderam a espingarda, uma pistola e munição, durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão.

Durante depoimento, o homem confessou ter atirado no animal e disse estar arrependido.